Você sabia que a Terapia Floral pode auxiliar no TDAH? Descubra!

Você sabe o que é o TDAH? E a Terapia Floral? Por mais que sejam duas coisas diferentes, elas podem caminhar juntas, sempre em busca de melhorias; é possível e interessante o olhar diferenciado ao Transtorno. Buscamos a Terapeuta Floral e Psicopedagoga, Ketlyn Gil, para entender como os Florais podem auxiliar o TDAH. Confira.


O que é o TDAH?

Para quem não conhece o TDAH, é o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade. Um transtorno neurobiológico com início na infância, podendo persistir na vida adulta. Além do perfil desatento, e/ou hiperativo as crianças com esse diagnóstico apresentam prejuízos no ambiente escolar, na socialização e no relacionamento interpessoal.

O tratamento médico e medicamentoso é uma parte extremamente importante, e por vezes necessária. Outros acompanhamentos como Psicológico, Fonoaudiológico e Psicopedagógico também se fazem necessários na maior parte dos casos.

Como a Terapia Floral funciona no TDAH?

A Terapia Floral, vêm agregar a esses multi-acompanhamentos, trazendo de forma sutil a positividade de algumas características como: baixa auto-estima, dificuldade no aprendizado, desatenção, agitação/hiperatividade, irritabilidade e muitos outros sintomas.

A análise floral, é realizada a partir dos maiores sintomas e das queixas que, mesmo com as terapias ainda não conseguiram atingir objetivos específicos! De forma natural, sem contra indicação e sem efeitos colaterais, as essências florais ajudam a re-estabelecer a positividade dos sentimentos do indivíduo.


O objetivo da terapia floral é o equilíbrio das emoções – cada essência é indicada para trabalhar emoções específicas ou conjuntos de emoções.

A Terapeuta Floral Ketlyn Gil é formada em Pedagogia, com especialização em Neuropsicologia e Psicopedagogia; Terapeuta Floral formada pelo Instituto Bach Centre e pelo Instituto RS Saúde. Para tirar dúvidas, saber um pouquinho mais sobre os florais, entre em contato com a Ketlyn através do telefone (11) 98142-1241.