Plataforma educacional transforma crianças em autoras de livros

 Plataforma educacional transforma crianças em autoras de livros

Plataforma é gratuita para escolas e incentiva a leitura e a escrita às crianças.

Os empresários Pedro Concy e Robson Melo trabalhavam no setor jurídico de uma multinacional. Em 2012, largaram tudo para investir em educação. Os sócios criaram uma plataforma educacional com vários projetos pedagógicos, que qualquer escola tem acesso, sem nenhum custo, e pode aplicar em seus alunos.

O processo é simples: a escola se cadastra na plataforma, escolhe a proposta de conteúdo que quer adotar em sala de aula e a partir daí cada aluno cria a sua própria história, com textos e desenhos. O produto final do projeto é um livro que mais de 70% dos pais compram e que já transformou mais de 200 mil alunos em pequenos autores.

“Um dos principais desafios era estimular as crianças nas habilidades de leitura e escrita. Com isso, a gente começou a procurar soluções para escolas desenvolverem essas habilidades de letramento”, conta Pedro Concy.

No primeiro ano de atuação, a plataforma faturou R$ 120 mil; ano passado, R$ 8 milhões.

Os livros custam entre R$ 39 e R$ 59, dependendo do acabamento e da quantidade pedida pelos pais. A escola promove uma tarde de autógrafos e a criança faz a dedicatória e presenteia os convidados. O projeto já foi aplicado por escolas de 600 cidades brasileiras e também é usado por crianças do Méxcio e Argentina. A expectativa é chegar a um bilhão de autores no mundo inteiro nos próximos anos.

ESTANTE MÁGICA