Maternar: Coletânea que explora novo conceito de consciência materna chega nas livrarias em dezembro

 Maternar: Coletânea que explora novo conceito de consciência materna chega nas livrarias em dezembro

A coletânea “Maternar – gestação, parto e criação de uma nova consciência materna“, lançado pela Editora Appris, traz novas nuances sobre o vasto universo que envolve fases da gestação, parto humanizado, direitos da gestante, desenvolvimento do bebê e amamentação.

Com organização da editora Sara Coelho, a obra de 24 capítulos conta com participação de profissionais das áreas de psicologia, medicina, direito, pediatria, entre outros, e mostra também caminhos modernos sobre a criação de filhos, baseados na comunicação não violenta e disciplina positiva. O lançamento será no dia 8 de dezembro, às 18h, na Livraria da Vila do shopping Pátio Batel (Avenida do Batel 1868), em Curitiba, Paraná.

O livro é um guia completo com dicas, ferramentas e reflexões embasadas em informações científicas, que buscam revelar um novo maternar.  “Procuramos desconstruir preconceitos sobre temas ainda carregados de muita falta de informação, como parir naturalmente, amamentar em público, pais que respeitam e equacionam opiniões dos filhos.

Anúncio:
Banner da Prefeitura de Santo André

coletânea maternar

O Brasil hoje é líder em cesarianas, cenário bem diferente de países mais desenvolvidos. No país, 52% dos partos são cesarianas – enquanto o índice recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é de 15% (dados da Fiocruz). Além disso, chegamos a apenas 45,8% de amamentação exclusiva nos primeiros seis meses e 35,5% aos 24 meses de vida (dados do Ministério da Saúde)”, relata Sara, que se inspirou na sua própria experiência como mãe para organizar e editar o livro.

A coletânea reúne informações atuais sobre aspectos sociais, emocionais e psicológicos que envolvem a gestação, apresentadas pela psicóloga Juliana Di Lorenzo Morais, com especialização na área de puerpério e educação perinatal. O livro também aborda as fases de gestação sob o ponto de vista do cuidado personalizado e no acolhimento, com orientações da ginecologista e obstetra Juliana Colotti Chalupe Amado, integrante do Grupo Nascer, de Curitiba, com profissionais voltados para parto humanizado.

No capítulo “Por que parir?” a obstetra Patrícia Schmitz, atuante na equipe Espaço Semear Bahia, também especializado em parto humanizado, mostra a importância do parto normal e seus benefícios para a saúde do bebê. Os direitos da gestante estão no livro por Stephanie Aniz Ogliari Candal, advogada de família e membra da Comissão de Estudos sobre Violência de Gênero da OAB/PR. Já o papel das doulas e seu precioso trabalho no processo da gravidez e cuidados com o bebê fazem parte da obra com profissionais experientes como Mari Caraiola e Adèle Valarini, que atuam na formação de novas profissionais da área.

Outros destaques são os capítulos “Trabalho de parto de amor”, da autora inglesa Janet Balaskas, fundadora do movimento “parto ativo”, que estimula o parto natural protagonizado pela mãe e “Rainha do lar? Reflexões acerca da violência e loucura materna”, da psicóloga Ana Vilela Mendes Brandino, doutora em saúde mental materno infantil pela FMR da Universidade de São Paulo (USP), que aborda questões sobre a saúde mental e os desafios da mãe moderna.

“A obra também pretende acolher a mãe, apresentando contextos históricos e sociais sobre esse papel.  Ajuda na construção de uma figura materna que, apesar de empoderada, reconhece seus limites, vê em si uma mulher plural, cuja maternidade é uma de suas facetas”, diz Sara Coelho.

O livro tem amplo público e é voltado, principalmente, para gestantes, mães, cuidadores e profissionais envolvidos com a maternidade. A abordagem desses temas em coletânea é inédita, e foi trazida pela organizadora por meio das vozes de profissionais especialistas e engajadas nesse novo conceito de maternar.


Quer saber mais na palma da sua mão?

Faça parte do nosso grupo de WhatsApp e receba boletins diários com tudo para as crianças em São Paulo. Clique aqui e participe!