Campanha de vacinação contra gripe começa no ABC Paulista

 Campanha de vacinação contra gripe começa no ABC Paulista

Doctor giving injection to baby boy (2-5 months)

Nesta quarta-feira (10/4) começa a campanha nacional de vacinação contra a gripe. Na região, Diadema, Santo André e Ribeirão Pires já deram o pontapé nos mutirões contra o vírus Influenza e iniciaram as vacinações em duas etapas.

Em Diadema, a primeira fase da campanha vai até 22 de abril. Na oportunidade, quem estiver dentro do público alvo (crianças entre seis meses e menores de seis anos de idade, gestantes, mulheres pós parto em até 45 dias, pessoas acima de 60 anos, profissionais da saúde, educação e portadores de doenças crônicas), podem procurar a Unidade de Saúde mais próxima e receber a vacinação. A orientação é que a pessoa leve a carteirinha de vacinação, documento com foto e, se possível, cartão SUS. Crianças devem estar acompanhadas de um dos pais e/ou responsáveis.

Em Ribeirão Pires, no período de 10 a 19 de abril, a vacina será disponibilizada à primeira faixa de grupos prioritários (crianças entre seis meses e seis anos, gestantes e mulheres no pós parto) nas dez unidades básicas de saúde. A partir de 22 de abril, a vacinação ocorrerá com mobilização de todos os grupos prioritários.

Já em Santo André, a vacinação inicia para todos do grupo prioritário já na quarta-feira (10/4). Na cidade, a campanha será dividida em duas etapas: entre 10 e 19 de abril serão imunizadas crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes e mulheres até 45 dias após o parto. Após o dia 22, além dos grupos imunizados na primeira etapa, serão vacinados trabalhadores de saúde, pessoas com 60 anos ou mais, professores das escolas públicas e privadas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Em ambas etapas, além da imunização, serão atualizadas as carteirinhas de vacinação.

Dia D

O Dia D – Mobilização Nacional será realizado em 4 de maio (sábado). Neste dia, todas as UBSs estarão abertas, das 8h às 17h, apenas para vacinação. Em Diadema, um posto volante também será montado no Shopping Praça da Moça e atenderá das 10h às 17h.

Proteção garantida

vacina não causa gripe, pois é produzida com vírus inativados ou fragmentados. Porém, pessoas vacinadas podem ter gripe devido a dois principais motivos. A imunização está garantida em torno de 15 a 21 dias após a aplicação da vacina, já que esse é o tempo para produção dos anticorpos. Por isso, o indivíduo pode ter a doença antes desse período.

Outra possibilidade é a gripe ser causada por algum vírus que não esteja na composição da vacina. Neste ano, a dose irá proteger contra três tipos de vírus da Influenza, sendo dois do tipo A e um do tipo B.

Além de proteger contra a doença propriamente, a vacina ajuda a prevenir as complicações causadas pela gripe, como a pneumonia, nos grupos mais vulneráveis epidemiologicamente, reduz o número de hospitalização e de óbitos pela enfermidade. “As vacinas são substâncias que têm a função de estimular nosso corpo a produzir respostas imunológicas ou anticorpos, a fim de proteger contra determinada doença, porém não são capazes de provocar a doença”, alerta a coordenadora da Vigilância à Saúde, Cândida Rosa.

Por Amanda Lemos (RD Diário)

1 Comentários

  • Que beleza. É disso que eu gosto nesse site, é direto ao ponto, você pesquisa e já encontra o que procura de cara, informação de sobra aqui!!!

Comments are closed.